10 março, 2006

o número 3, ou page down.................



Andando pela rua, achei uma tecla jogada na sarjeta. Peguei, e fiquei pensando em sinais que aparecem do nada, como esse número 3, e que podem ter algum sentido não direto.
Mas isso não é fato raro na minha vida. Vivo pegando coisas jogadas na rua, de gravetos à placas de computador.
Me senti novamente como Marcovaldo, personagem do livro homônimo do Ítalo Calvino.
Também não pode ser descartada a grande influência de Lost sobre atividades do inconsciente. Hoje ela me mandou um link de um blog (comentários em série) que tem um post gigantesco sobre teorias à repeito de Lost.
A cabeça fritou.


ouvindo: dj hooligan - a question of love

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!