19 maio, 2006

doses


nanquim, aquarela e grafite sobre papel fabriano.
60 x 40 cm.



No butô, quando um movimento começa a se construir, a se estruturar como linguagem, ele se desfaz.

*******

"Quem olha pra fora, sonha.
Quem olha pra dentro, desperta."
(C. G. Jung)
...resta refletir qual a porcentagem ideal dessas duas porções da realidade.

*******

Um garoto superdotado realiza uma entrevista para admissão em uma escola americana, essas ligadas a universidades, com um programa especial para crianças com q.i. acima da média.
O entrevistador pergunta a ele qual será, na sua opinião, a próxima grande revolução da humanidade.
Ele comenta que poderia ser o teletransporte, mas sua construção é bastante inviável. Portanto, ele acredita que a próxima revolução estará relacionada com novas percepções e apropriações do tempo e do espaço.
Mas ele coloca de forma muito teórica e conceitual, e sua mãe, que acompanhava a entrevista ao seu lado, lhe pede esclarecimentos.
Por exemplo, se uma formiga tiver que andar por uma linha, ela tem que partir de um ponto no espaço para chegar a outro, e este percorrer do espaço está ligado a um intervalo de tempo. Se dobrarmos esta linha, ligando o começo com o fim, fazendo um círculo, a formiga só precisa dar um pulo para ir do ponto inicial para o ponto final.

*******




ouvindo: harmar superstar - power lunch

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!